E a tão esperada lista de Dunga saiu… isso deu o que falar. Segundo Ancelmo Gois, da Agência O Globo, no Jornal do Commercio, 12/05/10, citando Bertrand Russell: "É a disposição de  matar e ser morto por razões triviais". Com todo o respeito.

Olha, que foi divertido acompanhar os mais variados comentários sobre a convocação dos atletas para compor a nossa seleção de futebol que jogará no mundial da África do Sul, nas próximas semanas. Se para entrar na seleção, o jogador precisa ser "top de linha", para ser técnico de uma seleção como essa, é preciso coragem.

Coragem para convocar alguns e não convocar outros. O número de vagas é pequeno para tantos talentos, então lógica é que apenas uns poucos "entrem" na lista e outros "tantos" fiquem fora. Só mesmo a competição para aprovar de fato a Seleção Brasileira atual para este Mundial. O mais interessante é constatar que o brasileiro adora o assunto e não poupa esforços para debater, comentar a questão. Ganhamos em retórica, apaixonada ou não, e em leitura, pois o que se "consumiu" de texto esses dias sobre o assunto, não é brincadeira. A impressão é de que a mídia ficou devendo aos leitores. 

Salve a Seleção!!! E que esta possa salvar o técnico…rsrsrsr